Moto Táxi Onde e como começou suas lutas e conquistas

29/07/2016 15:34

  • O serviço de moto táxi no Brasil surgiu na cidade de Crateús, no estado do Ceará, no final de 1995, mas, segundo alguns estudiosos, o moto táxi já existia na Alemanha desde 1987 e na Bolívia desde 1992. A região Nordeste foi pioneira no Brasil, mas hoje praticamente em todas as cidades brasileiras existe esse tipo de serviço.

    O primeiro município paulista a ter a atividade de moto táxi foi o de Mirassol tendo sua lei criada em 19/09/1997, seguido de José Bonifácio, Tanabi, São José do Rio Preto, Barretos e Balsamo que se espalhou então por todo o Estado incluindo a capital paulista onde até hoje ainda não foi regulamentada por uma lei municipal, mas onde já está regulamentado o serviço de moto frete (moto boy autônomo). O moto táxi é disciplinado em São José do Rio Preto pela Lei nº 8.822, de 18 de Dezembro de 2002 e suas alterações. Podem operar no serviço apenas condutores cadastrados na S.M.T.T. Eles devem possuir permissão adquirida após todo o tramite legal para sua efetiva regulamentação para prestação do serviço de moto táxi como esta prevista na lei que regulamenta a atividade.

    Para maior segurança de operadores e usuários desse sistema de transporte, é realizada vistoria nas motos, com o intuito de avaliar as condições dos veículos para melhor transportar os usuários, e renovado o alvará a cada ano uma vez que a vigência da permissão para efetuar esta atividade é do dia primeiro de janeiro a trinta e um de dezembro cada ano.

    Com a necessidade de se padronizar os acessórios utilizados pelos condutores que prestam o serviço de moto táxi, foram estabelecidos por meio da lei e suas alterações o colete padrão para os pontos de via publica na cor amarela com dístico moto táxi e numero do alvará, e com os mesmo itens para as agencias e cooperativas podendo usar a cor e modelo de uniforme que a representem, de uso obrigatório em serviço, à motocicleta com faixa na cor amarela com dístico moto táxi e o numero do alvará em preto no tanque e uma faixa amarela no pára-lama dianteiro, o numero do alvará também no capacete do condutor, touca higiênica para oferecer ao passageiro. Assim é possível oferecer ao usuário do serviço de moto táxi um meio de transporte mais confiável, seguro e eficiente. A medida é importante tanto para usuários, que identificam com maior facilidade um moto táxi cadastrado pela Prefeitura, como também facilita a fiscalização do transporte irregular, todas estas lutas e conquistas da categoria para melhorar o trabalho e conquistarem benefícios, respeito e dignidade teve maior força com a fundação do Sindicato no dia sete de Outubro de 1998, pelo membro presidente o senhor Julio César Siqueira que o presidiu até 2000 quando veio a ser eleito o então Presidente o senhor Marco Rogério Fanelli que conseguiu já em 2001 o beneficio para a categoria da isenção do IPVA, e preside o sindicato até os dias de hoje onde trava muitas lutas pelo fortalecimento da categoria tanto do moto táxi como o moto boy e moto frete.

    Hoje regulamentados por uma Lei federal a 12.009 de 29 de Julho de 2009, mas com muita luta pela frente pelo reconhecimento, direitos e benefícios para categoria.

     

Fonte :https://sindmotosjrp.com.br/historia.html

 

 
 
 

 

 

 

 

 


Contato

M&P express

skype: mepexpress.mepexpress

TEL. 47 3329 2978 WhatsApp 47 99646-6888